Verdadeiras diferenças entre estar apaixonado e amar alguém - Novembro 2022

  Verdadeiras diferenças entre estar apaixonado e amar alguém

Eu costumava misturar esses dois termos, como imagino que a maioria de vocês também. Eles são tão facilmente enganados. Não apenas como termos, mas também como sentimentos.



Eu perdi muito tempo chorando por alguns homens que nunca foram certos para mim.

Eu realmente acreditava que, ao perdê-los, eu perdi o amor. Eu não poderia estar mais errado.





Não foi até que eu conheci meu pessoa para sempre que eu realmente entendia a diferença entre estar apaixonado e amar alguém.

Nada do que já senti antes pode chegar perto do que sinto agora.



Veja bem, “estar apaixonado” é uma forma de vício que sentimos em relação a alguém. Estamos tão empolgados por eles que eles são tudo em que podemos pensar.

Queremos estar perto deles sempre que possível.



‘Amar alguém’ é o que temos quando a realidade entra em ação quando nossos hormônios param de enlouquecer. Não é um vício; é realidade.

É sobre felicidade e crescimento mútuos. É sobre elogiar a vida um do outro. É a melhor coisa do mundo.

Para deixar tudo mais claro, vejamos as 6 diferenças entre estar apaixonado e amar alguém:



Conteúdo mostrar 1 Apaixonar-se acontece sem querer, mas amar alguém acontece por escolha dois Estar apaixonado é uma questão de conveniência, enquanto amar alguém é priorizá-los 3 Estar apaixonado pode ser carente, enquanto amar alguém nunca é 4 Amar alguém tem tudo a ver com confiança, enquanto estar apaixonado não precisa ser 5 Estar apaixonado é ter posse, enquanto amar alguém é libertá-lo 6 Estar apaixonado não precisa durar enquanto o amor pode ser eterno

Apaixonar-se acontece sem querer, mas amar alguém acontece por escolha

  homem beijando mulher no nariz

Apaixonar-se está além do nosso controle. É sobre química, luxúria e paixão. Trata-se de idealizar a outra pessoa e colocá-la em um pedestal.

Amar alguém é o que vem depois de toda paixão, química e luxúria. É uma conexão emocional que formamos.



Não se trata de olhar para o seu parceiro como uma forma de perfeição. É saber que eles são falhos e amá-los de qualquer maneira.

É sobre escolher ficar mesmo quando os dias de sol passam.



Estar apaixonado é uma questão de conveniência, enquanto amar alguém é priorizá-los

  casal romântico abraçando e abraçando

Estar apaixonado é precisar de alguém para satisfazer suas necessidades. É estar lá quando é conveniente.



Amar, por outro lado, é altruísta. Não é só pegar; é sobre dar também.

É sobre arranjar tempo para alguém. Trata-se de aproveitar o simples fato de que sua cara metade está presente. É fazer com que eles se sintam importantes.

Estar apaixonado pode ser carente, enquanto amar alguém nunca é

  casal abraçado

Está em nossa natureza humana ter todo tipo de expectativa das pessoas. É o mesmo quando estamos apaixonados. Esperamos que uma pessoa se comporte de uma determinada maneira.

Por exemplo, podemos querer que eles liguem ou enviem mensagens de texto 24 horas por dia, 7 dias por semana. Podemos esperar grandes gestos românticos e constantes demonstrações de afeto.

No entanto, a realidade pode ser diferente. Por isso nosso expectativas não atendidas são as razões mais comuns para a separação.

Amar alguém é sobre compatibilidade. É sobre compreensão mútua. É sobre não ter que ouvir um do outro 24 horas por dia, 7 dias por semana, mas ainda saber que você é amado.

Amar alguém tem tudo a ver com confiança, enquanto estar apaixonado não precisa ser

  casal em abraço sentado à beira-mar

Estar apaixonado também pode ser cheio de incertezas. Não precisamos nos sentir seguros ou confiar completamente na outra pessoa para se apaixonar por ela. Nós apenas caímos e esperamos que eles nos peguem.

O verdadeiro amor, no entanto, é construído na confiança. Não há espaço para incertezas ou ciúmes. Nos sentimos sãos e salvos em seu abraço, e queremos que eles sintam o mesmo por nós.

Estar apaixonado é ter posse, enquanto amar alguém é libertá-lo

  casal se beijando na luz do sol

Estar apaixonado muitas vezes nos dá a noção equivocada de que devemos a outra pessoa. Que eles nos pertencem.

Nós os seguramos com muita força porque eles são os principais criadores de nossa felicidade.

É por isso que às vezes sabotamos nossas próprias chances de encontrar o amor verdadeiro. Forçamos os sentimentos. Sufocamos nossos parceiros querendo-os perto demais.

Amar alguém é dar-lhe a liberdade de amar você de volta. Não se trata de tentar muito mantê-los em sua vida.

É sobre amá-los, não importa se eles estão ao seu lado ou não.

O verdadeiro amor deve fluir e você nunca deve implorar pela atenção, carinho ou presença de ninguém em sua vida. É trabalhar em equipe e crescer juntos.

Estar apaixonado não precisa durar enquanto o amor pode ser eterno

  mulher com anel de noivado beijando homem

Estar apaixonado pode durar um período de tempo mais curto ou mais longo, mas tem seu fim. É baseado em paixão, luxúria, substâncias químicas cerebrais que nos dão aquela sensação viciante de desejo.

O amor não se desgasta. Não diminui. Não desbota. O amor fica não importa o que. É constante, mesmo que a fase de lua de mel do relacionamento seja história antiga.

No final, é importante lembrar que, em hipótese alguma, estar apaixonado e amar alguém exclui o amor próprio.

Pelo contrário, acolhe-o. Somente quando você realmente ama, aceita e aprecia a si mesmo, você é capaz de dar esses mesmos sentimentos puros a outra pessoa.

  Verdadeiras diferenças entre estar apaixonado e amar alguém